Hagar-H

O Meu Tudo é Querer Você!

"eu apenas queria que você soubesse"
Que aquele 'sol' eu só mandei procê,
Colorindo o mundo do jeito que eu amo
E vibrando muito com o meu pensamento...

"eu apenas queria que você soubesse"
Que essa estrada toda eu sonhei pra nós,
Viver se amando em toda a natureza
Mesmo eu sabendo da nossa distância!

"eu apenas queria que você soubesse"
Que o seu sumiço pode acabar comigo,
Pois o tudo é pouco quando se quer vida
Mesmo se remando contra a correnteza...

"eu apenas queria dizer" pra você, que
Pouco importa o mundo e os seus tesouros
Ou as sete maravilhas do conhecimento
Se nest'existência eu não tiver você...

"eu apenas queria" sentir sua garganta,
Massacrando todo o meu contentamento
E dizendo: 'calas, que eu sou só tua!'
Nem que fosse mentira e um desalento!

E nada importa, nada, nada. pouco importa!
E nada importa, nada, nada. nada importa!
E nada importa, nada, nada. nada importa!
E nada importa, nada, nada. nada importa!

"eu apenas queria" gritar para o "mundo"
Que lhe tendo um dia lhe terei pra sempre;
Pois se você me deixar, resta o pensamento
E o seu suor, nos poros do meu corpo...

"eu apenas queria que você soubesse"
Que o colorido sol eu só mandei procê...
E aquela mina que chegou falando
Tudo que ela tinha era uma cópia cinza;

"eu apenas queria que você soubesse"
Que a razão do meu sol é viver pra você,
Iluminando os dias dos seus pensamentos
Pois a minha vida é querer você!

Nem que seja longe para eu ter você!
Nem que seja tarde para o amanhecer!

Nada importa nada, só amar você,
Numa alegria sem razão de ser!

Pois a vida é pouco quando se quer tudo;
E a minha vida é querer você.

"eu apenas queria" sentir sua garganta,
Massacrando todo o meu contentamento
E dizendo: 'calas, que eu sou só tua!'
Nem que fosse mentira e um desalento;

"eu apenas queria dizer" pra você, que
Pouco importa o mundo - e os seus tesouros,
Ou as sete maravilhas do conhecimento
- se nesta existência eu não tiver você,

Pois nada importa, nada, nada. tudo pouco importa!
E nada importa, nada, nada. nada importa!
E nada importa, nada, nada. nada importa!
E nada importa, nada, nada. nada importa!

Nem que seja longe para eu ter você!
Nem que seja tarde para o amanhecer!

Nada importa nada, só amar você,
Numa alegria sem razão de ser!

Só quero dar o meu sol... pra você.

Letra: lustato tenterrara, hagar-h e gonzaguinha
Música: gonzaguinha, hagar-h e lustato tenterrara



Lustato tenterrara
Publicado no recanto das letras em 04/03/2008
Código do texto: t887116
Http://recantodasletras.uol.com.br/letras/887116

Copyright © 2008. todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.

Play